Dica do dia a dia: Quadro Elétricos – um risco real

Quadros elétricos são parte essencial da instalação elétrica, eles distribuem e controlam a energia para os diversos setores da edificação.

Mas em muitos casos, os quadros elétricos de um prédio, que atendem as áreas comuns, estão inadequados e não oferecem a segurança adequada para seus usuários.

Veja o exemplo de uma instalação recente:

Exemplo de um quadro de distribuição em desacordo com as normas técnicas: partes energizadas à vista, falta de dispositivos de proteção (DR, DPS), ausência do diagrama unifilar, identificação falha dos circuitos e não há sinalização de advertência.

Segundo a ABNT NBR 5410 – Instalações elétricas de baixa tensão – os quadros devem ser providos de proteções gerais de DR (disjuntor diferencial residual) e DPS (dispositivo de proteção contra surto). Além disso, os seguintes requisitos são necessários para os quadros de distribuição e painéis:

Nesta mesma norma recomenda-se que devem ser previstas medidas adequadas para impedir a energização inadvertida de qualquer equipamento. Essas precauções podem incluir uma ou mais das seguintes medidas:

·   travamento do dispositivo de seccionamento com cadeado;

·   afixação de placas de advertência;

·   instalação em local ou invólucro fechado a chave.

As carcaças devem possuir o invólucro isolante, ou aterrados. Quadros que comportarem tampas ou portas que possam ser abertas sem o auxílio de ferramenta ou chave, deve haver uma barreira isolante que impeça o contato acidental das pessoas com partes condutivas que, de outra forma, sem a barreira, poderiam se tornar acessíveis com a abertura da tampa ou porta. Essa barreira deve garantir grau de proteção no mínimo IPXXB ou IP2X e só pode ser removida com o uso de ferramenta.

As instalações para as quais não se prevê equipe permanente de operação, supervisão e/ou manutenção, composta por pessoal advertido ou qualificado (BA4 ou BA5, tabela 18), devem ser entregues acompanhadas de um manual do usuário, redigido em linguagem acessível a leigos, que contenha, no mínimo, os seguintes elementos:

  • esquema(s) do(s) quadro(s) de distribuição com indicação dos circuitos e respectivas finalidades, incluindo relação dos pontos alimentados, no caso de circuitos terminais;
  • potências máximas que podem ser ligadas em cada circuito terminal efetivamente disponível;
  • potências máximas previstas nos circuitos terminais deixados como reserva, quando for o caso;
  • recomendação explícita para que não sejam trocados, por tipos com características diferentes, os dispositivos de proteção existentes no(s) quadro(s).

Os quadros de distribuição destinados a instalações residenciais e análogas devem ser entregues com a seguinte advertência: (abaixo)

ADVERTÊNCIA

1. Quando um disjuntor ou fusível atua, desligando algum circuito ou a instalação inteira, a causa pode ser uma sobrecarga ou um curto-circuito. Desligamentos frequentes são sinal de sobrecarga. Por isso, NUNCA troque seus disjuntores ou fusíveis por outros de maior corrente (maior amperagem) simplesmente. Como regra, a troca de um disjuntor ou fusível por outro de maior corrente requer, antes, a troca dos fios e cabos elétricos, por outros de maior seção (bitola).

2. Da mesma forma, NUNCA desative ou remova a chave automática de proteção contra choques elétricos (dispositivo DR), mesmo em caso de desligamentos sem causa aparente. Se os desligamentos forem frequentes e, principalmente, se as tentativas de religar a chave não tiverem êxito, isso significa, muito provavelmente, que a instalação elétrica apresenta anomalias internas, que só podem ser identificadas e corrigidas por profissionais qualificados.

A DESATIVACAO OU REMOCAO DA CHAVE SIGNIFICA A ELIMINACAO DE MEDIDA PROTETORA CONTRA CHOQUES ELETRICOS E RISCO DE VIDA PARA OS USUARIOS DA INSTALACAO.

A advertência de que tratada acima pode vir de fábrica ou ser provida no local, antes de a instalação ser entregue ao usuário, e não deve ser facilmente removível.

Quer saber mais? Baixe nosso ebook sobre Edifícios Eficientes!

Baixe aqui seu ebook gratuitamente!

Published by

realizarengenharia

A Realizar é uma empresa de engenharia condominial para prevenção de problemas e preservação dos imóveis. Manutenção predial acessível e confiável.

Deixe uma resposta